quinta-feira, 22 de fevereiro de 2024

Policiais civis participam de capacitação para atendimento às mulheres vítimas de violência

Entre os dias 10 e 11 de novembro, a Academia Estadual de Segurança Pública do Ceará (Aesp/CE) realiza o curso de capacitação para atendimento às Mulheres Vítimas de Violência e Investigação de  Crimes Sexuais. Continuando assim, o ciclo de capacitação voltado aos policiais civis do Estado do Ceará. Trinta e cinco profissionais, incluindo delegados, inspetores e escrivães, participam do nivelamento, que acontece de forma remota, pela plataforma Google Meet, e tem uma carga-horária de 20 horas/aulas.

O curso é ministrado pela delegada da Delegacia de Desesa da Mulher (DDM) de Sobral, Adriana Savi, e pela escrivã da Divisão de Proteção ao Estudante (Dipre), Lidiana Mendes. Os Policiais estudam sobre a lei Maria da Penha, com foco na violência de gênero no âmbito doméstico/familiar; as mudanças na legislação penal referente aos crimes contra a liberdade sexual; a rede de atendimento às mulheres vítimas de violência e os protocolos de atendimento às mulheres vítimas de violência doméstica/familiar e de violência sexual.

O coordenador do curso, escrivão Renato Leite de Figueiredo, destaca a importância desta capacitação. “Essa é uma demanda sempre necessária. As mulheres vítimas de violência, elas já chegam nas delegacias altamente fragilizadas, muitas vezes sofrendo esse abuso, no âmbito familiar. Elas já sofrem essa violência das mais diversas ordens, da ordem física, sexual, psicológica, econômica e a delegacia é para ser um ambiente acolhedor, um ambiente que gere, nessa mulher, vítima de violência, uma sensação de justiça. A Polícia Civil do Estado do Ceará, e nós estamos trabalhando para que tenha profissionais capacitados para atendê-las, e dar efetivamente uma resposta quanto aos agressores dessas mulheres”, ressaltou o policial civil

Outros Posts