terça-feira, 23 de abril de 2024

Sarampo: Saúde do Ceará realiza busca ativa de casos da doença até dia 27

A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) promove, no próximo dia 25, o Dia S de Combate ao Sarampo. A medida visa reforçar as ações contra a doença em todo o Estado, por meio do levantamento de fontes de informação em todos os municípios e Regiões de Saúde.

Serão identificados prontuários clínicos e fichas de atendimento em serviços de saúde e do Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), para buscas institucionais, nos últimos 30 dias, contados a partir do dia S.

De acordo com a assessora técnica da Coordenadoria de Vigilância Epidemiológica (Covep), Rebeca Porto, o sarampo tem três sintomas principais. “Existe um conjunto de sintomas que pode indicar sarampo e exige notificação. O primeiro é o exantema, que são as manchas avermelhadas na pele e também a febre. Caso o paciente apresente ainda tosse, conjuntivite ou coriza, é necessária a notificação do caso”, explica.

Segundo Rebeca Porto, o Ceará não confirma casos de sarampo há mais de um ano. Os últimos casos da doença ocorreram em 2021, no município de Massapê (2) e Crato, que registrou um caso em setembro.

Com essas ações, a intenção é retomar o certificado de eliminação do vírus, que foi perdido em 2019. “Para alcançarmos esse objetivo, a busca ativa é uma estratégia essencial, no sentido de reduzir a chance de não captar um caso suspeito de sarampo, visto que há outras doenças que apresentam alguns sintomas semelhantes com as arboviroses que estão em circulação no Ceará: dengue e chikungunya”, disse.

Após essa semana de busca ativa, os dados serão enviados ao Ministério da Saúde, a fim de comprovar a não circulação do vírus do sarampo no Estado. As estatísticas da doença serão divulgadas até o final da primeira semana de novembro.

 

Outros Posts