terça-feira, 18 de junho de 2024

Polícia Civil incinera mais de uma tonelada de drogas apreendidas no Ceará

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE), por meio da Delegacia de Narcóticos (Denarc), realiza, na manhã desta quinta-feira (8), a incineração de mais de uma tonelada de drogas apreendidas em ações policiais de 2011 até este ano. A queima do material ocorre em uma cerâmica, situada no município de Aquiraz – Área Integrada de Segurança 13 (AIS 13) do Estado. Essa é a segunda incineração de materiais ilícitos desenvolvidas pela Denarc este ano.

No total, foram queimados 882,8 quilos de maconha, 29,9 quilos de crack, 67,6 quilos de cocaína, 38,8 quilos de pó branco, 324 unidades de comprimidos Ecstasy, 19 potes de pó branco, 31 fracos de lidocaína, 13 pés de maconha, 280 gramas de sementes de maconha, 208 gramas de haxixe, 17 quilos de medicamentos – totalizando 1.143,5 quilos – além de 124 unidades de medicamentos diversos, 71 frascos de lança-perfume e 10 garrafas de um entorpecente líquido conhecido popularmente como “loló”.

Os entorpecentes, que foram incinerados após autorização judicial, fazem parte de 318 inquéritos policiais instaurados entre os anos de 2011 a 2022. O material ilícito foi apreendido a partir de ações ocorridas nas cidades de Acarape, Aquiraz, Boa Viagem, Canindé, Capistrano, Cascavel, Caucaia, Fortaleza, Horizonte, Ipú, Iracema, Itaitinga, Itapipoca, Maracanaú, Maranguape, Morrinhos, Nova Russas, Pacajus, Pacatuba, Paracuru, São Gonçalo do Amarante e Tianguá.

Mais de quatro toneladas de drogas incineradas em 2022

No último dia 6 de julho, a Polícia Civil realizou a incineração de mais de três toneladas de drogas. Os materiais ilícitos queimados faziam parte de 1.095 inquéritos policiais, que foram apreendidos entre o ano de 2015 a 2022, em 29 cidades do Ceará. O montante total resulta em mais de quatro toneladas de drogas incineradas somente em 2022.

Outros Posts