quarta-feira, 17 de abril de 2024

Polícia Civil deflagra operação e cumpre 13 mandados contra integrantes de grupo criminoso no Cariri

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) deflagrou, nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira (26), a operação “Luzeiros”, com foco em cumprir mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão. Ao todo, 13 mandados de prisão foram cumpridos em desfavor dos alvos. Desse número, quatro pessoas já se encontravam presas em unidades prisionais. Uma arma de fogo, munições, dinheiro e entorpecentes também foram apreendidos.

A ofensiva foi coordenada pelo Núcleo de Combate ao Tráfico de Drogas do Cariri da Delegacia Regional de Juazeiro do Norte. A ação contou com o apoio de uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) e da Coordenadoria de Inteligência (Coin), ambas da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), além de equipes da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core), Núcleo de Tráfico de drogas do Cariri da Delegacia Regional de Juazeiro do Norte e dos Departamentos de Polícia Judiciária da Capital (DPJC), de Polícia do Interior Norte (DPI-Norte) e Polícia Judiciária Metropolitana (DPJM).

Os trabalhos policiais se concentraram nas cidades de Barbalha, Juazeiro do Norte, Crato, Brejo Santo, Tauá, Horizonte, Novo Oriente, Aracati, Fortaleza, além dos municípios de Sousa e Patos, na Paraíba. Com mais de dois anos de investigações, os policiais civis identificaram os envolvidos de uma organização criminosa, oriunda do Ceará e, que em sua maioria, eram responsáveis pela comercialização e distribuição de drogas, crimes de homicídio, bem como a compra e distribuição de armamentos na região Sul do Estado.

Com as ordens judiciais em mãos, os policiais civis saíram em campo e cumpriram as decisões judiciais em desfavor dos investigados. Ao todo, 13 mandados de prisão foram cumpridos. Em uma das ações, um homem, que estava com um mandado de prisão em aberto em seu desfavor, foi preso em posse de um revólver, munições, dinheiro e uma pequena quantidade de drogas. A captura ocorreu na cidade de Tauá. Outros quatro mandados foram cumpridos em unidades prisionais, onde quatro investigados cumprem penas por outros crimes. Agora, todos os envolvidos se encontram à disposição do Poder Judiciário.

 

Outros Posts