domingo, 03 de março de 2024

Polícia Civil apreende R$ 170 mil em espécie durante operação em Brejo Santo

Uma operação da Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE), deflagrada nas primeiras horas da manhã da última quinta-feira (9), resultou nas prisões de duas pessoas envolvidas em lavagem de dinheiro e agiotagem, bem como nas apreensões de R$ 170 mil, além de vários cheques, munições, carros e imóveis que foram apreendidos e sequestrados. O trabalho, coordenado pela Delegacia Regional de Brejo Santo, ocorreu na cidade pertencente à Área Integrada de Segurança 19 (AIS 19) do Ceará. Ainda na ofensiva, houve o bloqueio em contas bancárias limitado a dois milhões de reais.

Com foco em desarticular grupos criminosos envolvidos em crimes de agiotagem e lavagem de dinheiro, os investigadores saíram em campo para cumprir mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão em desfavor de suspeitos. Os alvos são investigados pela PC-CE desde agosto do ano passado. Com o trabalho continuado e em posse da identificação dos suspeitos, os policiais civis chegaram a Francisco Carlos Romão, de 38 anos. Contra ele existia um mandado de prisão preventiva pelo crime de lavagem de dinheiro e agiotagem.

No momento da abordagem, além do cumprimento do mandado, Carlos Romão estava em posse de dezenas de munições de calibres variados, onde também foi autuado em flagrante por posse de munições. Ano passado, armas já haviam sido apreendidas na casa de Carlos. Com a apreensão deste material, na época, os policiais civis deram continuidade nas investigações que apontaram envolvimento dele nos crimes que resultaram na prisão dele hoje.

De lá, em uma ação continuada, os investigadores foram até a casa do cunhado de Carlos, identificado como Diego Gomes Araújo, de 40 anos. Com ele, os policiais encontraram cerca de 170 mil reais em espécie. Diante do que foi encontrado, ele foi autuado em flagrante por lavagem de dinheiro, pois foi constatado que ele fazia parte do esquema criminoso do qual Carlos gerenciava. Com isso, a dupla foi conduzida à Delegacia Regional de Brejo Santos, onde todos os trâmites para a prisão deles foram realizados. As investigações sobre o caso permanecem.

Denúncias

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As informações podem ser direcionadas para o (88) 3531-4841, o número da Delegacia Regional de Brejo Santo.

As denúncias podem ser encaminhadas ainda para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ou para o (85) 3101-0181, que é o número de WhatsApp, pelo qual podem ser feitas denúncias via mensagem, áudio, vídeo e fotografia. O sigilo e o anonimato são garantidos.

Outros Posts