quinta-feira, 18 de julho de 2024

PAA Leite retomado em Crato beneficia mais de 600 famílias

O CRAS Seminário foi a primeira entidade socioassistencial a receber o leite do Programa de Aquisição de Alimentos – PAA – retomado no Crato, nesta terça-feira, 25, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Agrário e Recursos Hídricos, em parceria com os Governos Estadual e Federal.

O equipamento recebeu 240 litros e seguirá recebendo essa quantidade, semanalmente, atendendo cerca de 200 pessoas, como dona Eunice Oliveira. Ela está em tratamento contra um câncer. Por recomendação médica, não deixava faltar leite em casa, mas estava custando caro ao bolso dela.

“Como meus remédios são fortes, os médicos disseram para eu tomar leite umas três vezes por dia. Diariamente, isso me custava de R$ 4,00 a R$ 8,00 porque, às vezes, chegavam as crianças e também queriam. No fim do mês, ficava mais difícil pagar luz, água e outras contas com apenas R$ 600,00. O programa voltou numa hora boa”, falou.

Além do CRAS Seminário, também serão contemplados o Instituto Arte Vida, Associação de moradores do Conjunto Filemon Limaverde, CRAS Muriti e Abrigo Jesus, Maria e José. No total, o PAA modalidade Leite beneficiará mais de 600 famílias em vulnerabilidade social e em insegurança alimentar e nutricional. Serão distribuídos em torno de 9.100 litros por mês.

O Secretário de Desenvolvimento Agrário e Recursos Hídricos, Givaldo Gonçalves, reforçou que a gestão municipal vem dialogando com o Governo do Estado e há expectativa de que seja dobrada a cota diária do Crato. Hoje é de 304 litros.

“Queremos beneficiar mais pessoas com leite de gado de qualidade, assim como mais produtores da agricultura familiar, que fornecem o produto e incrementam sua renda”, destacou o Secretário.

Em 2021, quando o PAA Leite foi lançado no Crato, foram entregues quase 40 mil litros. Já em 2022, o programa foi suspenso porque o Governo Federal não repassou recursos.

Outros Posts