quinta-feira, 22 de fevereiro de 2024

Novembro Azul: médico alerta “o diagnóstico precoce do câncer de próstata muda tudo”

Novembro Azul é o mês mundial de combate ao câncer de próstata, segundo tumor mais comum entre os homens, atrás apenas do câncer de pele não melanoma. Segundo os dados mais recentes do Instituto Nacional do Câncer (INCA), no Brasil, um homem morre a cada 38 minutos devido ao câncer de próstata.

Dr. Thales Coutinho, médico urologista na UroRim, tirou algumas dúvidas recorrentes sobre o tema. “O diagnóstico precoce é importantíssimo, quando descobrimos a doença na sua fase inicial, o paciente tem mais de 95% de cura. Todos os homens a partir dos 50 anos de idade e aqueles a partir dos 45 com histórico de câncer de próstata na família, devem fazer uma consulta de forma anual com seu urologista”, afirma.

O médico também explica a diferença entre o crescimento da próstata e o câncer de próstata. “O crescimento da próstata geralmente é uma condição benigna que pode ocorrer em todos os homens a partir dos 45 anos de idade. Alguns desses pacientes podem apresentar sintomas, tais como: jato urinário fraco, sensação de que não consegue esvaziar completamente a bexiga na hora que vai ao banheiro e ardência ao urinar. Essa condição é o que dominamos de hiperplasia prostática benigna e não tem nenhuma relação com o câncer de próstata. Na maioria das vezes, o tratamento dessa condição é realizado com o uso de medicamentos, só que uma pequena parcela desses homens, que não respondem bem ao tratamento com medicações, começamos a pensar no tratamento cirúrgico”, pontua.

Dr. Thales Coutinho destaca que próstata crescida não é a mesma coisa que câncer de próstata, porém, ambas merecem tratamento com seu urologista.

Fonte: Commonike

Outros Posts