terça-feira, 25 de junho de 2024

No periodo final de preparação para o Enem a recomendação é ir com calma

Neste domingo (13) e no próximo (20), será realizada o Enem com a participação de cerca 3,4 milhões de estudantes de todo o país. Nesse final de ciclo, os estudantes costumam ficar apreensivos  e ansiosos para o exame. O Enem, criado com o objetivo inicial de avaliar a qualidade do ensino médio no país, é hoje, o método mais utilizado pelos estudantes para ingressar nos cursos superiores. Tendo em vista essa importância, é comum os participantes ficarem receosos.

A maior causa dessa tenção, é oriunda da pressão e da expectativa sobre os resultados, que fazem com que os candidatos sintam medo de fracassar ou de não conseguir um rendimento tão bom. Isso gera o desejo de aumentar o ritmo de estudo. Contudo, o desgaste emocional causado pelas extensas rotinas de estudo, pode atrapalhar o estudante na hora da prova. O estresse pode se manifestar em aspectos físicos também, como falta de concentração, dor de cabeça, desordens do sono, temperamento explosivo, estômago perturbado, etc. Por isso a dica é diminuir o ritmo.

“Na minha experiência oque funciona é revisar os conteúdos que mais caem, fazer simulados, que me deixam mais segura de que, alguma coisa eu aprendi. Não adianta se desesperar, querer estudar tudo em tão pouco tempo, e nem relaxar demais, é preciso revisar. É assim que nosso cérebro consegue fixar as coisas” Afirma a estudante Valeska Silva (20). Ela estará prestando a prova pela segunda vez  neste domingo. Já tinha participado da edição do Enem de 2020, e devido a sua experiência, afirma estar menos preocupada e mais preparada.

Valeska está estudando através da plataforma de cursos Descomplica, especializada no teste. Ela diz que nessa reta final está seguindo as orientações dos professores “Eles dizem para ter um tempo para aprender a controlar o nervosismo, o qual, é justamente, o que mais atrapalha na hora da prova. Ser positivo também. Não adianta ter negatividade antes de saber o resultado, isso só faz o nervosismo crescer” Destacou.

Assim como eles, os professores geralmente aconselham os alunos a não colocarem tanta pressão sobre si mesmos e fazer o melhor possível com o que foi estudado ao longo do tempo de preparação.

Outros Posts