quarta-feira, 19 de junho de 2024

Mais de 10,3 mil profissionais das Forças de Segurança do Ceará atuarão no 2º turno das Eleições 2022 no Ceará

Seguindo as mesmas diretrizes empregadas durante o primeiro turno, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS-CE), em parceria com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e órgãos parceiros, coordenará o Plano Operacional de Atuação Integrada das Eleições 2022 – 2º Turno. O objetivo do plano é instituir, durante o segundo turno do pleito, a governança e a gestão da atuação integrada nas atividades de coordenação, comunicação e controle. Atuarão em todo o Estado, no próximo domingo (30), 10.376 profissionais das Forças de Segurança do Ceará.

Gabinete de Gestão de Eventos Complexos

Para garantir que os cearenses votem com tranquilidade nas 123 zonas eleitorais do Estado, e que a votação aconteça com segurança em todo o Estado, será instalado novamente na SSPDS, o Gabinete de Gestão de Eventos Complexos (GGEC), que funcionará no Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICCR), que fica na sede da pasta, em Fortaleza. Os municípios de Sobral e de Juazeiro do Norte também contarão com a gestão do Gabinete, que atuará nas regiões Sul e Norte do Estado. O objetivo do GGEC é que os responsáveis pelos órgãos envolvidos na operação estejam juntos para que a tomada de decisões, quando necessária, possa ocorrer de forma mais rápida.

As ações operacionais durante o pleito eleitoral, no GGEC, serão coordenadas pela SSPDS e contarão com o trabalho integrado da Coordenadoria de Inteligência (Coin), da Coordenadoria Integrada de Planejamento Operacional (Copol), da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) e da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas do Ceará (Ciopaer) da SSPDS; e das vinculadas da pasta – Polícia Militar do Ceará (PMCE), Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE), Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE) e Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce). Também participarão as forças amigas, como a Agência Brasileira de Inteligência (Abin), Polícia Federal (PF), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Secretaria Municipal da Segurança Cidadã de Fortaleza (Sesec), Guarda Municipal de Fortaleza, Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), Autarquia Municipal de Trânsito de Fortaleza (AMC), Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran-CE), Secretaria da Administração Penitenciária do Estado do Ceará (SAP) e Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública (CGD).

Segundo o secretário da Segurança Pública e Defesa Social, Sandro Caron, a segunda fase da Operação Eleições 2022 seguirá os mesmos moldes do que já tinha sido feito no primeiro turno. “O planejamento foi construído juntamente com a Justiça Eleitoral, com o Ministério Público, com a Polícia Federal e com todos os outros órgãos que atuarão neste final de semana. Nós teremos, mais uma vez, um reforço, com tropas da Polícia Militar embarcando para o Interior. Teremos reforço da PM nos 184 municípios do Estado. As ações serão todas comandadas por oficiais designados para isso. Em relação à Polícia Civil, todas as cidades que têm delegacia terão a unidade aberta no domingo (30). Em Fortaleza, teremos reforço nas delegacias de plantão, inclusive com equipes nas ruas. Ou seja, vários órgãos trabalhando em conjunto para que tenhamos eleições seguras e tranquilas e para que o cidadão possa ir ao local de votação e exercer o seu direito ao voto”, ressalta o secretário.

Polícia Militar

Desde o dia 26 de outubro, a Polícia Militar do Ceará (PMCE) deu início às ações especiais do 2º Turno das Eleições 2022, com a fiscalização nas rodovias estaduais, intensificadas pelo Batalhão de Polícia de Trânsito Urbano e Rodoviário Estadual (BPRE), com o apoio de viaturas do Batalhão Especializado de Policiamento do Interior (Bepi) do Comando de Policiamento de Choque (CPChoque). No dia 30, as composições motorizadas reforçarão as fiscalizações.

O plano operacional coordenado pela Copol da SSPDS terá 5.700 mulheres e homens empregados pela PMCE como reforço durante o segundo turno, que se juntarão aos 3.500 do policiamento ordinário, totalizando 9.200 policiais militares. A distribuição operacional da tropa ocorre conforme a necessidade de cada região, ampliando a área de cobertura na Capital, Região Metropolitana de Fortaleza e Interior do Estado. Os policiais militares atuarão de maneira integrada com órgãos parceiros, realizando trabalhos ostensivos para fiscalizar e coibir possíveis crimes durante o segundo turno.

Polícia Civil

Já a Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) contará, no total, com 770 policiais civis e a ampliação do funcionamento das delegacias. Os municípios do Interior e da Região Metropolitana de Fortaleza, que não têm delegacia plantonista, terão sua unidade aberta a partir das 7 horas da manhã do domingo até o final da apuração eleitoral. Todas as seis delegacias plantonistas da Capital – 2º Distrito Policial, 10º Distrito Policial, 13º Distrito Policial, 30º Distrito Policial, 32º Distrito Policial e 34º Distrito Policial – terão reforço e equipes nas ruas. Em Fortaleza, funcionarão ainda o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), a Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA) e a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM).

Os crimes eleitorais flagrados em Fortaleza, na RMF e nas cidades que possuem base da Polícia Federal serão registrados na PF. A PC-CE poderá lavrar auto de flagrante pela prática de crimes eleitorais nos locais onde não houver polo da Polícia Federal. Já as ocorrências cotidianas e de crimes não relacionados ao pleito eleitoral continuam sendo encaminhadas para as delegacias da Polícia Civil.

CBMCE

O Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE) atuará em suas unidades operacionais no Estado com um efetivo de 283 bombeiros militares, em 72 viaturas, como auto bomba tanque, de salvamento e ambulâncias.

Pefoce

A Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce), em seus núcleos de Fortaleza, Juazeiro do Norte, Sobral, Canindé, Tauá, Russas, Crateús, Quixeramobim, Itapipoca e Iguatu, contará com o total de 73 profissionais, entre médicos legistas, peritos legistas, peritos criminais, auxiliares de perícia e reforços operacionais.

Apoio aéreo

A Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) da SSPDS terá equipes 24 horas por dia durante a Operação Eleições 2022 – 2º turno. A Ciopaer estará patrulhando em Fortaleza e na Região Metropolitana. Cerca de 50 profissionais da coordenadoria estarão a postos para reforçar a segurança pública em todo Estado. A Ciopaer possui cinco bases localizadas em Fortaleza, Juazeiro do Norte, Quixadá, Sobral e Crateús.

A aeronave dará apoio solo e aéreo às equipes das Forças de Segurança, realizando missões durante o pleito eleitoral, funcionando como plataforma de observação e monitoramento de pessoas e veículos suspeitos, bem como agindo preventivamente no combate à criminalidade e a possíveis crimes eleitorais.

Outros Posts