terça-feira, 23 de abril de 2024

Ligação que salva: treinamento fortalece empenho da Ciops/SSPDS na prevenção ao suicídio

Uma escuta que pode fazer a diferença na vida daqueles que estão em situação de desespero, diante dos problemas. Compreendendo o papel dos colaboradores da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (Ciops/SSPDS) foram realizados, em parceria com Academia Estadual de Segurança Pública (Aesp), treinamentos que aprimoraram o potencial da Coordenadoria em fazer o atendimento de prevenção ao suicídio. Os treinamentos foram realizados nessa segunda (4) e terça-feira (5).

Cerca de 100 pessoas participaram das aulas, entre servidores e colaboradores. As aulas ainda contaram com simulações de atendimento com a participação de atores. O momento foi orientado pelo mestre em Saúde Pública e especialista em Segurança Pública, Direitos Humanos e Cidadania, o tenente-coronel do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE), Edir Paixão.

A capacitação é uma forma da Ciops/SSPDS fortalecer seu papel na prevenção ao suicídio. Ao receber uma ligação, quem está na linha recebe um acolhimento que não substitui a importância de um psicólogo na recuperação da saúde mental, mas capaz de impedir uma decisão precipitada. “Os teleatendentes foram o foco, justamente por serem a porta de entrada do fluxo de atendimentos das ocorrências de toda a SSPDS e suas vinculadas. São eles que atendem o telefone, quando alguém liga 190. Então, nada mais sensato que colocar o foco da capacitação nessas pessoas. É importante e pode salvar vidas”, explicou o delegado Rudson de Oliveira, orientador da Célula Operacional da Ciops/SSPDS.

O curso “Atendimento à Pessoa em Crise Suicida”, coordenado pela Aesp, discutiu sinais de alerta, escuta humanizada e como fazer o acionamento das Forças de Segurança diante uma situação dessa natureza.

Outros Posts