terça-feira, 16 de abril de 2024

Juazeiro do Norte inicia entrega de absorventes às estudantes da rede municipal de ensino

A Prefeitura de Juazeiro do Norte, através das Secretarias de Educação e de Saúde, realizou nesta segunda-feira, 19, a solenidade de entrega simbólica de absorventes advindos do Programa de Proteção e Promoção da Saúde Menstrual. A ação, que faz parte do Programa Saúde na Escola – PSE, é uma parceria entre o município e o Governo Federal, mediante a portaria n° 4072, estabelecida em novembro de 2022.

O momento, que aconteceu na Escola Municipal Maria de Lourdes Ribeiro Jereissati, no bairro São José, reuniu alunas e mães das estudantes. Ao todo, 34 escolas, que são pactuadas no programa, serão contempladas, promovendo a distribuição de quase 4 mil absorventes.

O Prefeito Glêdson Bezerra destaca a importância da entrega. “Vale salientar que Juazeiro já cumpre lei municipal que atua na questão de distribuição de absorventes a partir da requisição que acontece pela própria escola e com essa ampliação por parte deste recurso federal, é ainda melhor, pois sabemos o quanto essas ações com orientações são necessárias dentro do ambiente escolar”.

A secretária de Educação do Município, Pergentina Jardim, ressaltou que através do PSE é realizado todo um acompanhamento da saúde das crianças e adolescentes. “A saúde menstrual é uma das nossas abordagens dentro do programa. Essa entrega de hoje dá início ao programa do Governo Federal, mas as demais escolas que não são pactuadas no PSE, recebem esse produtos a partir da lei municipal que também distribui absorventes gratuitos na nossa rede. A distribuição, organizada pela equipe do projeto, será feita dentro das próprias instituições de ensino, de acordo com um cronograma estabelecido”, ressaltou.

A titular da Saúde, Andrea Landim, destacou o quanto o momento contribui para o bem-estar das estudantes, pois se sentir bem, confiante e com saúde é importante para um bom desenvolvimento escolar”, afirma. Para Raquel Silva, mãe de uma das estudantes, a distribuição dos itens possibilita que as meninas tenham mais um ambiente de acesso a esses produtos que, “às vezes, falta desses itens pode afetar na autoconfiança delas”.

Durante a cerimônia foram realizadas, ainda, palestras com a enfermeira Rebeca Lobo sobre saúde menstrual, e com o médico Matheus Coelho.

 

Outros Posts