terça-feira, 21 de maio de 2024

Saiba mais sobre Tech Neck – A Síndrome do “Pescoço Tecnológico”

Se você anda sentindo dores na cervical e no pescoço com mais frequência, preste mais atenção no tempo que está passando no celular. Durante os últimos anos, principalmente na pandemia, o hábito de olhar para a tela do smartphone está mais intenso porque o aparelho ganhou novas funções na nossa vida. Através dele, passamos a ter o contato social com os amigos e a família, o espaço de reuniões de trabalho, a academia online e também o entretenimento, com milhares de filmes e séries de todos os aplicativos de streaming ao nosso alcance.

A postura de olhar para baixo diante das telas, que tem consequências ortopédicas e de aceleração do aparecimento de rugas e de papada, ganhou até nome específico: tech neck (pescoço tecnológico).

Como dito anteriormente, o Tech Neck, em português “Pescoço Tecnológico” é uma deformidade provocada pelo uso excessivo de celulares e smartphones, trata-se mais especificamente do surgimento da papada e rugas horizontais no pescoço, conhecidas também como “segundo queixo” ou “queixo duplo”.

O Tech Neck ocorre porque a pessoa passa muito tempo de cabeça baixa, olhando para a tela do celular, e esse habito faz com que o processo de envelhecimento da região do pescoço seja acelerado. Isso acontece por o movimento repetitivo de músculos que estão sob uma pele fina, e que possui poucas glândulas sebáceas e hidratação, promovem pequenas linhas, que com o tempo se transformam em rugas mais profundas, formando assim o temido queixo duplo ou segundo queixo. Já a papada, gordura submentoniana, pode ter diversas causas, desde condições genéticas até problemas de sobrepeso, flacidez e estrutura fácil. Independente da causa do problema, é preciso que fique claro que, permanecer muito tempo com a cabeça baixa pode sim piorar ainda mais o quadro. O mais indicado é que você procure um médico dermatologista em Alphaville de sua confiança e converse com ele sobre essa questão, assim ele poderá lhe indicar os melhores tratamentos para o seu caso.

Outros Posts