terça-feira, 05 de março de 2024

Governo e Polícia Federal criaram e-mails para obter mais informações sobre os atos de domingo

Neste último domingo (8), eleitores bolsonaristas invadiram Brasília em ações antidemocráticas, onde pediam além de intervenção militar, a prisão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Os terroristas deixaram o Congresso Nacional, o Palácio do Planalto e o Senado em total caos, destruíram e quebraram portas, vidros, mesas, quadros valiosos, tudo que havia no local.

Em pronunciamento, o presidente Lula afirmou que tais atos foram de vandalismo, e que todas as pessoas que fizeram parte dessas ações antidemocráticas, irão ser encontradas e punidas.

Nas redes sociais, foram criadas contas que irão ajudar a identificar as pessoas envolvidas, já na manhã desta segunda-feira (9), o ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, anunciou que a pasta criou o email denuncia@mj.gov.br, a Polícia Federal, também disponibilizou o email denuncia8janeiro@pf.gov.br, ambos para receberem mais informações sobre os atos que aconteceram neste domingo.

Outros Posts