segunda-feira, 27 de maio de 2024

Crato realiza campanha de prevenção ao Tracoma nas escolas

A Secretaria Municipal da Saúde do Crato iniciou a Campanha de Prevenção ao Tracoma, em parceria com a Secretaria de Educação. A primeira escola a receber a equipe da Sesau foi a Escola Professor José do Vale Arraes Feitosa. O Tracoma é uma doença nos olhos que atinge principalmente as crianças e se não for tratada corretamente, pode prejudicar a visão e até causar cegueira. A meta é passar por todas as escolas da rede municipal. As atividades iniciaram na última terça-feira (18).

A ação acontecerá nas escolas da rede municipal de ensino com o objetivo de realizar uma avaliação ocular dos alunos para identificar os casos. “Essa avaliação é feita pelos Agentes de Endemias capacitados para a campanha e, na abordagem verificamos se há folículos na parte interna das pálpebras. Se identificado, encaminhamos os alunos para o tratamento adequado junto à equipe médica da Atenção Básica”, comenta o agente Eliomar Siebra.

Os agentes de endemias vão percorrer as instituições de ensino do município realizando esse diagnóstico primário, nas crianças de 1 a 9 anos, objetivando a diminuição da doença. “Caso seja identificado, também fazemos a avaliação na família da criança”, complementa Edmilson do Nascimento, supervisor do Núcleo de Endemias do Crato.

Sobre a doença

De acordo com o Ministério da Saúde, o tracoma é uma doença inflamatória ocular, uma conjuntivite, causada pela bactéria Chlamydia trachomatis que em contato com a conjuntiva ocular, produz uma reação inflamatória na pálpebra superior, com o aparecimento de folículos atingindo principalmente as crianças.

O diagnóstico primário pode se dar pelo exame feito a olho nu, feito com o auxílio de uma lupa onde os pacientes que apresentam as formas sequelares do tracoma – entrópio (pálpebra com a margem virada para dentro do olho) e triquíase tracomatosa (cílios em posição defeituosa, tocando o globo ocular) manifestam dor constante, fotofobia e dificuldade de abrir os olhos.

Já para prevenir o tracoma são fundamentais a adoção de medidas de promoção da higiene e cuidados pessoais, tais como a lavagem facial, das mãos, o destino adequado do lixo e dejetos e o acesso e disponibilidade de água.

Outros Posts