quarta-feira, 17 de abril de 2024

Ceará recebe mais de 60 mil turistas estrangeiros em voos diretos no primeiro semestre de 2023

O Ceará é líder na região Nordeste como destino que mais recebe turistas estrangeiros em voos diretos. A Secretaria do Turismo (Setur) realizou um levantamento com base em dados consolidados da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e contabilizou a chegada de 63.258 viajantes internacionais no primeiro semestre.

O número é maior que o registrado em Recife, que aparece na segunda posição, com 58.916 de público internacional. Em seguida, vem Salvador, que registrou a chegada de 55.786, e Natal, que recepcionou 16.517 estrangeiros.

O Aeroporto Internacional de Fortaleza é a principal porta de entrada no estado. O terminal conta, atualmente, com conexões diretas e semanais para Miami, nos Estados Unidos; Lisboa, capital de Portugal; Paris, na França e Buenos Aires, na Argentina.

A titular da Setur, Yrwana Albuquerque, comemora o resultado. “O mercado internacional é bastante importante para o nosso estado e liderar esse ranking significa que estamos no caminho certo com nossa política de promoção. Somos um dos estados que mais investe. Estamos presentes nas principais feiras, realizamos roadshows e outras ações para promover o Ceará. Diante disso e pela excelente qualidade dos atrativos que temos, o resultado não poderia ser outro”, celebra.

Reforço internacional

Para o segundo semestre, o estado deve ganhar um reforço na malha aérea internacional com o voo para Bogotá, capital colombiana. Serão duas frequências semanais diretas ligando Fortaleza ao destino sul-americano.

Outra novidade é a ampliação da malha aérea de Miami. A Latam, companhia que opera o trecho, iniciou no último dia 28 de junho a segunda conexão semanal e a expectativa é, a partir do dia 3 de outubro, ofertar o terceiro voo.

“Além disso, temos buscado diálogo com outras companhias aéreas para conquistar novos destinos e retomar alguns outros. Temos consciência da importância desse modal para o desenvolvimento da atividade turística e captação de novos turistas ao nosso destino”, finaliza a secretária Ywana.

Outros Posts