quarta-feira, 29 de maio de 2024

Campanha Ingresso Solidário arrecadou, em 2024, mais de 10 toneladas de alimentos para o Programa Ceará Sem Fome

A Campanha Ingresso Solidário, realizada pelo Governo do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura em conjunto com o Programa Ceará Sem Fome, arrecadou, em 2024, mais de 10 toneladas de alimentos. A campanha promove a arrecadação de alimentos não perecíveis na programação cultural da Rede Pública de Espaços e Equipamentos Culturais do Ceará (Rece). O material arrecadado é destinado a entidades credenciadas pelo programa e que atendem pessoas em situação de vulnerabilidade.

Em 2024, a Campanha retomou as ações em março e, desde então, já foi arrecadado um total de 10,3 toneladas de alimentos em seis eventos da Rece. A próxima arrecadação será realizada no Cineteatro São Luiz, nos dias 16, 17 e 18 de maio, às 19h. Na programação, três espetáculos de grupos locais encenam em apresentações intimistas, sobre o palco, na faixa de programação Curta Mais Teatro.

Todos os alimentos arrecadados para o programa são destinados à Unidade Central do Programa Ceará Sem Fome, que funciona em parceria com a Coordenadoria de Defesa Civil do Estado do Ceará (Cedec) e a Secretaria da Proteção Social (SPS). Após recolhidos, os alimentos são utilizados para a confecção de cestas básicas. Os insumos, posteriormente, são destinados às entidades credenciadas pelo programa, mediante um edital permanente.

Ao todo, 71 instituições que atendem os mais diversos públicos em vulnerabilidade estão homologadas pela Unidade Central. Desde o início das ações, no primeiro semestre de 2023, quase 110 toneladas de alimentos foram arrecadadas em campanhas realizadas em grandes eventos.

Campanha

A campanha Ingresso Solidário da Cultura do Ceará arrecada alimentos nos eventos da Rede Pública de Equipamentos Culturais do Ceará (Rece), em parceria com o gabinete da primeira-dama, Lia de Freitas. As equipes de arrecadação contam com o acompanhamento da Coordenadoria da Rede Pública de Equipamentos Culturais da Secult, das gerências do Instituto Dragão do Mar (IDM) e do Instituto Mirante, e dos equipamentos envolvidos.

Outros Posts