domingo, 16 de junho de 2024

Bece realiza lançamento de livro sobre Economia Criativa Brasileira na próxima sexta-feira (12)

A Biblioteca Pública Estadual do Ceará realizará, nesta sexta-feira (12), às 18h, o lançamento do livro “Criatividade e emancipação nas comunidades-rede: contribuições para uma Economia Criativa Brasileira” organizado e escrito por Cláudia Leitão, em coautoria com Luciana Guilherme, Luiz Antônio Oliveira e Raquel Gondim. O evento, que tem entrada gratuita e acontecerá no Espaço Multiuso da Bece, contará ainda com uma roda de conversa com os autores mediada por Joaquim Cartaxo, diretor-superintendente do Sebrae.

Publicado pelo Itaú Cultural, por meio da Editora Martins Fontes, o livro é dedicado aos ministros Gilberto Gil e Celso Furtado (in memoriam) e, desde o seu título, já nos remete ao clássico “Criatividade e dependência na civilização industrial”. A partir do pensamento de Furtado, a publicação oferece ao público contribuições para o reconhecimento da criatividade como insumo fundamental para o desenvolvimento sustentável. O livro também aponta caminhos para uma economia brasileira do século XXI que busca o envolvimento das populações nos seus territórios na superação da desigualdade social.

“O livro oferece ao público subsídios originais capazes de despertar interesses diversos nos mais variados agentes: gestores públicos, pesquisadores, profissionais das redes criativas, políticos, alunos e professores, empreendedores, enfim, todos aqueles compromissados com a construção do desenvolvimento sustentável baseado no envolvimento das populações em seus territórios para a superação da desigualdade, da violência e do autoritarismo”, afirma Cláudia Leitão.

Minibios

Cláudia Leitão é professora, pesquisadora e consultora no campo da economia criativa. Doutora em Sociologia pela Sorbonne (Paris V) e Mestra em Direito pela USP. Foi Secretária da Cultura do Estado do Ceará, Secretária da Economia Criativa do Ministério da Cultura. Diretora do Observatório de Fortaleza do Instituto de Planejamento da Prefeitura de Fortaleza – Iplanfor. É consultora em Economia e sócia do Centro Internacional Celso Furtado de Políticas para o Desenvolvimento e associada da Tempo de Hermes.

Raquel Gondim é pesquisadora e consultora na área da economia criativa e professora da Unifor nos cursos de Cinema e Audiovisual e Design de Moda. Doutoranda em Ciências da Cultura na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) em Portugal e Mestra em Administração pela UECE. É sócia da Tempo de Hermes – Projetos Criativos.

Luiz Antônio Oliveira é economista, Mestre em Administração. Servidor do IBGE na carreira de analista de planejamento e gestão de pesquisas. Foi diretor de desenvolvimento e monitoramento da Secretaria da Economia Criativa do Ministério da Cultura.

Outros Posts