terça-feira, 21 de maio de 2024

Barbalha realiza vacinação contra Covid-19 em bebês de 6 meses a 2 anos com comorbidades

A Prefeitura de Barbalha, por meio da Secretária de Saúde iniciou na última sexta-feira (25) a vacinação contra covid-19 em bebês de 6 meses de idade a 2 anos completos, que apresentem algum tipo de comorbidade.

A mãe do pequeno Eduardo Miguel, Vitória Kelly, aproveitou a liberação da vacinação para deixar seu filho protegido. “Agora que o Eduardo está vacinado, sinto que minha família está protegida. Todos da minha casa já receberam a vacinação e agora estamos todos imunizados”, disse Vitória.

De acordo com a Coordenadora de Imunização, Adriana Rocha, a meta de vacinação para o público dessa faixa etária é de 2.884 crianças. “Estamos abrindo vacinação para crianças que apresentem algum tipo de comorbidade. Ao finalizar essa primeira etapa, estamos disponibilizando a vacinação para o público geral dessa faixa etária”, disse Adriana. A vacinação para faixa etária, também acontecerá na próxima terça-feira (29), no Centro de Especialidade e Diagnóstico (CED), das 8h30 às 11h.

Os pais ou responsáveis devem estar presentes no momento da vacinação e munidos de documento de identificação do adulto e da criança. A imunização da nova faixa etária será realizada com a vacina da Pfizer Baby, que possui um frasco com a tampa na cor vinho, diferente dos demais imunizantes do laboratório, com formulação e dosagem específicas para crianças pequenas. Atualmente, a Pfizer Baby é a única autorizada, para crianças de 6 meses a dois anos, pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

O esquema de vacinação para crianças requer três doses do imunizante, sendo as duas doses iniciais administradas com quatro semanas de intervalo e a terceira oito semanas depois.

Comorbidades

Pelo Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a covid-19, do Ministério da Saúde, são consideradas comorbidades para vacinação as seguintes condições de saúde:

• Diabetes;

• Pneumopatias crônicas graves;

• Hipertensão Arterial Resistente;

• Hipertensão arterial estágio 3;

• Hipertensão arterial estágios 1 e 2 com lesão em órgão-alvo;

• Imunocomprometidos;

• Doença renal crônica;

• Doenças neurológicas crônicas;

• Hemoglobinopatias graves;

• Obesidade mórbida;

• Síndrome de Down;

• Cirrose hepática;

• Doenças cardiovasculares: como insuficiência cardíaca (IC) e cardiopatias congênitas.

Outros Posts