terça-feira, 05 de março de 2024

Barbalha inicia a vacinação contra Covid-19 em bebês de 6 meses a 2 anos com comorbidades

A partir desta sexta-feira (25), Barbalha amplia a vacinação contra covid-19 para bebês de 6 meses de idade a 2 anos completos, que apresentem algum tipo de comorbidade. A convocação do novo grupo segue a determinação do Plano Nacional de Operacionalização (PNO) da Vacinação contra a covid-19, do Ministério da Saúde.

A vacinação está agendada para acontecer na próxima sexta-feira (25), das 8h3o às 11h, no Centro de Especialidade e Diagnóstico – CED.  Para receber o imunizante, os pais ou responsáveis precisam apresentar laudo, declarações, prescrição ou relatório médico indicando a doença ou condição de saúde do bebê.

No dia da vacinação, além da certidão de nascimento do bebê, é necessário apresentar documento pessoal com foto e CPF do familiar ou responsável que está acompanhando a criança, cartão do SUS ou comprovante de residência do Município e caderneta de vacinação.

Comorbidades

Pelo Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a covid-19, do Ministério da Saúde, são consideradas comorbidades para vacinação as seguintes condições de saúde:

• Diabetes

• Pneumopatias crônicas graves

• Hipertensão Arterial Resistente

• Hipertensão arterial estágio 3

• Hipertensão arterial estágios 1 e 2 com lesão em órgão-alvo

• Imunocomprometidos;

• Doença renal crônica

• Doenças neurológicas crônicas

• Hemoglobinopatias graves

• Obesidade mórbida

• Síndrome de Down

• Cirrose hepática

• Doenças cardiovasculares: como insuficiência cardíaca (IC) e cardiopatias congênitas

Esquema Vacinal

O esquema vacinal para crianças a partir de 6 meses até 2 anos, 11 meses e 29 dias será de três doses, sendo que a 2ª dose deverá ser aplicada num intervalo de 28 dias após a 1ª. Já a 3ª dose deverá ser aplicada num intervalo de 56 dias após a 2ª.

Crianças que fizerem 3 anos após o recebimento da 1ª dose deverão completar o ciclo vacinal com o mesmo imunizante. A vacina que será utilizada é a Pfizer de tampa vinho, a única liberada para esta faixa etária até este momento pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Outros Posts