sábado, 24 de fevereiro de 2024

Atividade turística cearense alcança o melhor resultado nas férias de julho durante fim de semana com festivais musicais

O Ceará alcançou os melhores índices econômicos ligados à atividade turística durante as férias de julho no último fim de semana. Isso porque, de quinta (20) a domingo (23), o estado foi palco da edição comemorativa de 30 anos do Fortal, maior micareta fora de época do país.

Conforme levantamento realizado pela Secretaria do Turismo (Setur), durante o período mencionado acima, a ocupação hoteleira do estado teve uma alta, resultando em uma taxa de 85,7%. Além da capital Fortaleza (85,17%), onde fica localizada a Cidade Fortal, destinos como Porto das Dunas (88,3%), em Aquiraz, e Praia do Cumbuco (83,7%), em Caucaia, registraram boa procura e lotação de reservas.

Mercados emissores

O mercado de turistas foi, predominantemente, doméstico. Mas, a Setur identificou na pesquisa foliões internacionais, de mercados como Europeu e Americano. “Tivemos uma presença de foliões de várias nacionalidades, como Portugal, Estados Unidos, Itália, Suíça, Austrália, além de Espanha e África. Esse resultado é beneficiado, principalmente, pela nossa malha aérea”, pontua a titular da pasta, Yrwana Albuquerque.

O Nordeste (44,4%) foi a região com o maior número de turistas que participaram do evento, conforme levantamento da Setur. Em seguida, aparecem os foliões das regiões Sudeste (24,6%), Norte (18,3%) e Centro Oeste (11,1%). Realizada no Centro de Eventos do Ceará (CEC), equipamento da Setur onde ocorreu a tradicional “Entrega de Abadás”, a pesquisa também estimou o gasto per capita e o tempo médio de permanência no estado.

O turista nacional respondeu que a pretensão era passar, em média, cinco dias na cidade e gastar cerca de R$ 629,75. Toda a estadia ficaria em torno de 3.463,60. Já o turista estrangeiro permanecerá por mais tempo no Ceará. Serão aproximadamente dez dias, com gasto diário de R$ 787,88 e uma estadia total em torno de R$ 7.406,09.

Outros destinos buscados

Dentro do estado, outras cidades também registraram alta de ocupação da rede hoteleira. A Setur pesquisou nas principais regiões turísticas como estava a demanda e identificou, em alguns destinos, uma boa procura. Para o fim de semana entre os dias 21 e 23, Guaramiranga (86,7%) liderou o ranking entre os locais mais buscados. Jijoca de Jericoacoara (85,5%), Trairi (81,6%), Canoa Quebrada (82,5%), Praia das Fontes (78,9%) e Camocim (68,9%) completam o ranking.

Halleluya e Expoevangélica

Além do Fortal, a Setur identificou a realização de outros festivais como atração de grande público para o estado. Entre eles o Halleluya, que contou com 23 atrações musicais católicas, e a Expoevangélica, realizada no Centro de Eventos do Ceará (CEC). Todos os eventos encerraram no domingo (23).

Outros Posts