segunda-feira, 17 de junho de 2024

Arraiá do Caldas agita público e leva muito forró ao sopé da Chapada do Araripe

E foi com muito baião, xote, forró, coco e reisado que o Complexo Ambiental Mirante do Caldas (CAMC), equipamento da Secretaria do Meio Ambiente e Mudança do Clima, gerido pelo Instituto Dragão do Mar (IDM), promoveu no último sábado, 08, o Arraiá do Caldas.

A Terreirada Cearense abriu a noite levando um repertório que reuniu composições do cantor Junú, músicas da cultura popular, clássicos nordestinos, através de nomes como Luiz Gonzaga, Marinês, Anastácia, Dominguinhos, Cátia de França, Jackson do Pandeiro, tudo isso com um olhar contemporâneo para esse universo da cultura popular, pensando um nordeste atual, fugindo de clichês e estereótipos.

Continuando o arraiá, a banda Chumbo Sim Sinhô animou mais ainda o público. Com 11 anos na estrada, mais de 216 apresentações e sempre com um repertório regional e característico da cultura nordestina, eles agitaram e colocaram o público para dançar os maiores sucessos das festas de São João.

E para abrilhantar mais o Arraiá, a Feira Mirarte Caldas de produtos Orgânicos e Artesanais esteve presente fomentando a economia criativa e a geração de renda na comunidade local. O projeto vem valorizando os saberes e fazeres dos microempreendedores, oportunizando e fortalecendo o turismo de base comunitária da Vila do Caldas.

Outros Posts