terça-feira, 05 de março de 2024

SAP equipa polícia penal cearense com mais 800 novas pistolas

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) iniciou a entrega de 800 novas pistolas Beretta APX 9MM para a polícia penal cearense. O primeiro lote do armamento foi entregue pelo próprio secretário da administração penitenciária, Mauro Albuquerque, ao Grupo de Ações Penitenciárias (GAP).

Desde a criação da SAP, em 2019, a pasta já adquiriu 2.551 pistolas, 850 espingardas pump military, 130 fuzis, 86 Benelli M3, além de 100 capacetes, 139 kits de máscara de gases, 375 coletes balísticos e 80 escudos.

A Pistola Beretta APX 9MM tem a garantia e a segurança da mais antiga e confiável fábrica de armas do mundo. A APX apresenta um material anoditizado em preto fosco, o que aumenta a resistência quanto à corrosão. É um dos principais calibres usados para defesa pessoal, segurança pública e tiro esportivo. A pistola semiautomática Beretta APX tem estrutura que garante facilidade na manutenção e desmontagem da arma, além de possuir design sem saliências e cantos afiados que tornam o transporte e a remoção do coldre extremamente práticos.

O secretário da administração penitenciária, Mauro Albuquerque, reforça a importância da aquisição de novos equipamentos para o efetivo dos grupos especiais do sistema prisional. “Nossa categoria merece estar equipada com armamentos modernos, além de ter estrutura e capacitação para o uso de cada ferramenta de trabalho. O sistema penal do Ceará vem recebendo fortes investimentos do Governo e nossa missão é sempre manter os policiais penais devidamente equipados e treinados para resguardar a segurança dentro das unidades prisionais e para sua própria proteção”, disse.

O Coordenador do Grupo de Ações Penitenciárias (GAP), Paulo Henrique Costa, ressalta o compromisso do secretário com os servidores. “A aquisição de novos armamentos é mais uma forma de manter nossa segurança e proteção. O equipamento é de primeira linha e moderno. Temos sorte de ter um secretário tático e que se preocupa com a categoria. Tivemos uma grande evolução dentro do sistema penal ao que se refere em equipamentos, estrutura, tecnologia e treinamentos”, afirma.

Outros Posts