segunda-feira, 17 de junho de 2024

2.387 novos soldados da Polícia Militar são promovidos pelo Governo do Ceará para reforçar a segurança pública

Com propósito de expandir iniciativas importantes para o bem-estar dos cearenses, como a criação de novos territórios do Comando de Prevenção e Apoio às Comunidades (Copac) e a interiorização do Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio), o Governo do Ceará realizou a promoção, na última terça-feira (20), de 2.387 novos soldados da Polícia Militar do Ceará (PMCE). A governadora Izolda Cela esteve presente na solenidade de promoção, no Centro de Eventos do Ceará, ao lado do secretário executivo da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Samuel Elânio, do coronel comandante-geral da PMCE, Márcio Oliveira; e de outras autoridades.

O reforço proporcionará um acréscimo de 13% no total de servidores na corporação. Sobre o aumento no efetivo, a governadora Izolda Cela reforçou a importância dos investimentos na Segurança Pública. “Nós temos, ao longo desses anos, marcas muito importantes de melhorias no processo de investimentos e de qualificação do sistema de Segurança Pública. Só nessa área de pessoal, exatamente para garantir pessoas para os serviços, são, ao longo desses anos, mais de 20 mil profissionais que ingressaram nos quadros da Segurança Pública, nas diversas áreas. Além disso, todo o esforço para melhorar estruturas, melhorar equipamentos e garantir mais integração, pois a integração dos serviços é algo fundamental para a qualidade. Inclusive, na estrutura da segurança pública, nós temos o Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp) já ocupado em parte e oferecendo uma condição de trabalho muito mais adequada, além dos equipamentos disponíveis para os profissionais e tudo da melhor qualidade”, pontuou a governadora.

Os novos soldados fazem parte da primeira turma no novo modelo de formação, após a alteração na Lei Estadual nº 13.729. Isso quer dizer que os aprovados no concurso da Polícia Militar já iniciaram o curso como militares estaduais, na condição de alunos-soldados e agora passam à condição de soldados prontos.

Presente na solenidade, o secretário executivo da SSPDS, Samuel Elânio, afirmou que a formatura dos novos alunos é um sonho compartilhado. “Esse mesmo sonho que vocês estão realizando, nós da gestão também estamos realizando. Ou seja, de ter todos esses formandos amanhã ingressando nos quadros da PMCE, fortalecendo ainda mais o sistema de segurança pública. Esse é um feito histórico no Estado do Ceará. Nunca na nossa história tivemos tantos formandos na Polícia Militar”, comemorou o secretário.

Momento de celebração

Os neo soldados participaram de uma formação iniciada em junho de 2022, sendo encerrada neste mês de dezembro, totalizando uma carga horária de 1.400 horas/aula, realizadas na Academia Estadual de Segurança Pública (Aesp). Para a aluna soldado Dária Souza, que é natural da Bahia, a formatura é um momento de comemoração. “É um momento muito emocionante para todos nós. Eu não sou do Ceará, então, principalmente para quem é de fora, foi um momento muito emocionante, uma conquista de uma luta diária, depois de muitos estudos, de muitas abdicações, então agora é só comemorar”, afirmou.

Para a aluna soldado Helen Oliveira, a promoção é uma conquista. “Representa tudo, porque eu passei bastante tempo estudando. Passei seis anos esperando a minha aprovação e hoje eu estou muito feliz realizando o meu sonho”, afirmou. Sobre ser inspirada e inspirar outras mulheres a seguirem a mesma carreira, ela falou que é um orgulho. “Somos um grande exemplo. Assim como eu usei muitas policiais militares como exemplo, hoje podemos inspirar muitas pessoas. Representamos, hoje, 15% do concurso e isso é um grande avanço para a gente”, completou.

As aulas aconteceram simultaneamente na sede da Aesp e em unidades da PMCE, distribuídas nos municípios de Fortaleza; Caucaia; Maracanaú; Paracuru; São Gonçalo do Amarante (Pecém); Maranguape; Sobral; Tianguá; Canindé; Crateús; Itapipoca; Russas; Jaguaribe; Juazeiro do Norte; Brejo Santo; Quixadá; Iguatu; Tauá e Crato.

Com disciplinas que priorizam os procedimentos operacionais, princípios básicos dos direitos humanos, mediação de conflitos, entre outros, os novos soldados se sentem preparados para atender às demandas da sociedade cearense.

Reconhecimento

Durante a solenidade, os três primeiros colocados do Curso de Formação de Soldados, receberam o Diploma de Honra ao Mérito Intelectual. São eles: Bárbara Pereira Alves (1º), Tonny Wedney dos Santos Queiroz (2º) e Ana Clara Almeida Mangueira (3º).

Em seguida, o pai do aluno soldado PM Francisco Gustavo Barbosa (in memorian), que deu nome à turma, recebeu uma placa em reconhecimento ao esforço do filho para entrar na corporação.

Novos concursos

Ao longo dos últimos sete anos, as iniciativas prioritárias para a Segurança Pública foram executadas, a exemplo das expansões e as melhorias das estruturas dos órgãos; o aumento de efetivo com a realização de vários concursos públicos; o reconhecimento dos profissionais por meio de aumentos salariais, as promoções e as descompressões de carreiras; a criação e a implementação de novas tecnologias; a priorização de ações em territórios com maiores incidências criminais; e a aquisição de modernos equipamentos.

A promoção destes novos soldados se integra aos constantes investimentos realizados pelo Governo do Ceará na área. Ainda está previsto um novo concurso, para preenchimento de 1 mil vagas. As provas devem ser realizadas no início de 2023.

Está em andamento também o Concurso Público para o cargo de 2º Tenente do Quadro de Oficiais Combatentes da Polícia Militar (QOPM) da Polícia Militar do Ceará (PMCE), com 113 vagas imediatas e 187 para cadastro reserva. As inscrições do certame vão até hoje, quarta-feira (21).

Os concursos garantem cotas para negros (20%) e mulheres (15%), o que aumentará a representatividade da corporação.

Fonte: SSPDS

Outros Posts